António Granado deixa jornal Público

Actual editor do online (publico.pt), António Granado foi antes jornalista e editor de Ciência no mesmo jornal. Saiu do Público por vontade própria, segundo diz aqui, e está disponível para novas aventuras profissionais.

Perde o Público e perdem os leitores, tal como vários comentários à sua decisão indicam. Perde o mundo do jornalismo que, esperamos, perca por pouco tempo toda a experiência deste jornalista, toda a sua vontade de dar mais e de fazer algo diferente, de perceber os novos media e trabalhá-los o melhor possível. Continuam a ganhar todos os que tiverem o prazer de estar na suas aulas na FCSH, Universidade Nova de Lisboa.

Também eu por lá passei e António Granado foi, talvez, o melhor professor que tive naquela instituição (alguns foram muito bons mas António Granado foi muito mais do que isso). Apanhei-o no ano em que ele entrou para a FCSH, ainda não sabia muito bem o que era possível mudar na instituição nem como era possível aproveitar as potencialidades dos novos media para projectos com trabalhos feitos no curso mas a vontade de ir mais além e de nos levar a todos a aprender e fazer coisas diferentes, de “pensar fora da caixa”, essa estava lá. António não se limitava a dizer “façam”, nem a dar-nos trabalhos práticos só porque necessitávamos de algo mais do que a teoria. Não. Ele deu-nos bases, indicou-nos caminhos, alertou-nos para potencialidades e nunca deixou de debater temáticas sobre o jornalismo e o seu futuro. Respondeu sempre às nossas questões sobre estágios e o futuro do Jornalismo e não nos apressou nas nossas dúvidas sobre a área. Com ele aprendemos o mínimo de jornalismo online. O mínimo sim, porque a partir daí era connosco. Tínhamos as ferramentas, sabíamos escrever… estava na nossa mão sermos óptimos jornalistas (quer dizer, na nossa e numa oportunidade de mostrar o que valemos, claro).

A disponibilidade do António contrasta com a de muitas pessoas que nos passaram na vida. Sempre soubemos que podiamos contar com ele. E não era para nos dar as respostas certas ou fazer o trabalho por nós mas sim para nos indicar o caminho e estar lá para nos ajudar, caso precisássemos. E isso é muito mais do que muitas vezes nos é oferecido.

Tenho a certeza que, brevemente, o António terá um novo desafio profissional. Ou isso ou o jornalismo português está muito pior do que eu pensava…

Advertisements
por Ana Luísa Henriques Publicado em Jornalismo

Um comentário a “António Granado deixa jornal Público

Comente este artigo

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s